quinta-feira, 17 de outubro de 2013

[Dica] - Utilizando o Git e o GitHub para iniciantes

Olá pessoal, esse post tem como foco os usuários iniciantes do GitHub e que querem usar o versionador Git.

É fundamental para qualquer programador ter o seu GitHub. O GitHub é um serviço Web para compartilhar projetos que usam o controle de versionamento Git.

Na versão gratuita, todos os projetos são públicos. Caso você queira ter projetos privados, então tem que pagar uma taxa.

Já pensou em desenvolver um software e ter a colaboração de outras pessoas? Então, com o GitHub você pode criar seus projetos e caso alguém se interesse, poderá contribuir com o seu projeto.

O Git é um sistema de controle de versão, ele não depende de acesso a rede ou a um servidor central. A título de curiosidade, o Git foi inicialmente desenvolvido por Linus Torvalds.

Caso você ainda não tenha um GitHub, clique aqui para se cadastrar.

Após se cadastrar, o seu endereço GitHub ficará nesse formato:

https://github.com/seu_nome_usuario

O GitHub possui diversas características interessantes. Você pode seguir outros desenvolvedores, pode monitorar o que acontece em outros projetos públicos caso tenha interesse, enfim, com o tempo você vai aprendendo a usá-lo da melhor forma.

Vamos criar novo repositório. Para isso faça o login no GitHub e clique em "New Repository".:

Eu irei criar um repositório chamado "geeksbr". A descrição é opcional. Deixo como Public mesmo e selecionei também a licença GPL v2. Por último basta clicar em "Create repository".

Depois de clicar em "Create repository", você será direcionado para o endereço do seu repositório. O endereço do meu repositório criado ficou:

https://github.com/marcoscastro/geeksbr

Ok, criamos um repositório. Caso você clique no arquivo README.md e depois em Edit, você poderá adicionar mais informações sobre o projeto. Após alterar as informações, basta ir até o fim da página, colocar alguma descrição em "Extended description" e clicar em "Commit Changes".

Apesar da descrição do commit ser opcional, é fundamental que você descreva o que foi alterado. Descrever o commit é uma boa prática de desenvolvimento, é fundamental.

Agora iremos usar o versionador Git. Eu estou utilizando o S.O. Windows 7, mas o Git possui versão tanto para Windows quanto para Mac e Linux.

Clique aqui para fazer o download do Git

Como estou utilizando Windows 7 para fazer esse tutorial, então eu fiz o download da versão do Windows do Git. A instalação do Git não oferece problemas. No Windows pelo menos o instalador é do tipo next-next-ok, é só ir clicando para prosseguir. Lembrando que ele vai oferecer a opção de adicionar ao PATH, selecione essa opção.

Iremos experimentar alguns comandos com o Git. Lembrando que o Git possui uma GUI e o Bash (prompt). Iremos utilizar o Git Bash.


Com o comando 'git help' (sem as aspas) você poderá verificar os comandos que podem ser usados com o Git e a descrição de cada comando.


Eu estou utilizando Windows, então algumas coisas que irei fazer aqui estão relacionadas ao SO, mas podem ser feitas perfeitamente em outro sistema.

Eu criei a pasta do meu projeto chamada 'geeksbr' no Desktop (Área de trabalho). Através do Git Bash, eu irei navegar até entrar nessa pasta.

Irei utilizar o comando: 

git init .

O comando init serve para criar um repositório Git vazio ou reinicializar um já existente. Dê o comando acima, não esqueça do ponto. Após esse comando, ele criará uma pasta .git oculta dentro da pasta "geeksbr".

Agora iremos adicionar o repositório, o endereço do meu repositório ficou da seguinte forma:

https://github.com/marcoscastro/geeksbr

Então, usarei o seguinte comando:

git remote add origin https://github.com/marcoscastro/geeksbr

Você pode colocar os arquivos dentro da pasta local, no meu caso eu adicionei um arquivo .py (código em Python) dentro da pasta "geeksbr". O próximo comando irá adicionar todos os arquivos que estão dentro da pasta "geeksbr".

git add .

Quando não especifica o arquivo, mas só utiliza o "." no final, então ele adiciona todos que estão dentro da pasta.

Agora iremos utilizar o comando pull porque devemos manter o projeto sempre atualizado. Já pensou uma equipe de desenvolvedores fazendo várias modificações? Então antes de dá commit, temos que atualizar o projeto. Com o comando pull você irá trazer as modificações para o seu repositório local.

git pull origin master

Agora iremos dá o commit. Lembre-se, descreva bem o seu commit, os outros precisam saber o que você fez e até mesmo para você lembrar o que foi feito :)

git commit -m "Mensagem"

 Precisamos enviar para o servidor. Iremos utilizar o comando push.

git push origin master

Irá pedir o seu nome de usuário e senha.

Se você for na página do projeto, vai está lá adicionado o(s) arquivo(s).

Quaisquer dúvidas deixem nos comentários, até a próxima!


Nenhum comentário: